Tradição e ação

Para a Souza Cruz a sustentabilidade é prioridade na garantia do sucesso de toda a cadeia produtiva

A Souza Cruz acredita que a sustentabilidade é o único caminho para assegurar o futuro da companhia e da cadeia produtiva do negócio. É desta maneira que a empresa pauta a forma como se relaciona não apenas com o meio ambiente, mas também com seus stakeholders e com a sociedade.

Para a Souza Cruz, o futuro sustentável e responsável do negócio passa obrigatoriamente pela geração de valor compartilhado para toda a sua cadeia produtiva, que deve crescer de forma conjunta com a empresa. Este caminho aponta tanto para o sucesso econômico da companhia como para o desenvolvimento da sociedade como um todo.

Em 2014, a estratégia do Grupo BAT, seguida pela Souza Cruz, foi reformulada e elencou três frentes de trabalho, identificadas por meio do Teste de Materialidade:

  • Agricultura sustentável e prosperidade no campo: criação das condições mais apropriadas para que os cerca de 27 mil produtores integrados prosperem em conjunto com a empresa;
  • Conduta corporativa: adoção dos mais altos padrões de ética e transparência em todas as suas atividades;
  • Redução de riscos: pesquisa e desenvolvimento de alternativas que ofereçam riscos associados menores que os dos cigarros convencionais.

Na prática

A Souza Cruz esteve à frente de uma série de iniciativas ao longo dos últimos anos avançar nas práticas de sustentabilidade da produção do tabaco. A companhia se coloca ao lado dos seus produtores integrados para orientá-los em relação à diversificação de culturas, à otimização do uso dos recursos naturais e à adoção de práticas e técnicas cada vez mais responsáveis, entre outros aspectos.

O desenvolvimento dos produtores passa, ainda, pela abordagem do tema “sucessão familiar”. Há, no entanto, um grande desafio neste aspecto: alinhar a preparação do jovem do campo com as questões sociais e tecnológicas do mundo contemporâneo. Este é o principal objetivo do Instituto Souza Cruz, que, em 15 anos, beneficiou diretamente 2,3 milhões de pessoas das 27 unidades federativas do país, por meio de 25 projetos.

Do ponto de vista ambiental, a Souza Cruz vem se desafiando a reduzir cada vez mais o impacto das suas atividades. As ações da companhia envolvem, por exemplo, a adoção de uma série de práticas mais sustentáveis em fábricas, usinas e demais operações, alcançando, em 2015, a neutralização de 83% das suas emissões de carbono.

A empresa também adota os mais elevados padrões de comportamento empresarial e de transparência, tanto internamente, com seus colaboradores, como no relacionamento com consumidores, autoridades públicas e a sociedade em geral.

max
large
medium
small
mobile